Abate de veículos terá em 2010 um corte de 16%

O programa de incentivos ao abate de veículos em fim de vida (VFV), que tem funcionado como alavanca do comércio de automóveis novos, deverá continuar no próximo ano, mas os benefícios serão menores.

O Governo irá propor no Orçamento do Estado para 2010 a continuação do programa, mas reduzindo em 16% o valor máximo de benefício, de 1.500 para 1.250 euros por veículo.

A ideia do Ministério das Finanças que precisa de ser aprovada num parlamento onde o Partido Socialista não tem maioria absoluta) surge num bom momento da recolha de VFV. Em Novembro foram entregues para destruição 8.012 veículos, o valor mais alto dos últimos 18 meses, segundo os dados da Valorcar, a empresa que gere estas contas. O segundo semestre, sem contar com Dezembro, soma 36.322 unidades para abate, mais 11% que no mesmo período do ano passado.


Publicado em 15 dez 2009

Categorias

Partilhar